Repatriação de Recursos Parte II

Lavagem de Dinheiro

Lavagem de Dinheiro

Olá você!

Neste episódio vamos falar sobre o resultado final da lei de repatriação de recursos e seus impactos.

Publicado no último dia 27, e devido as condições econômicas a arrecadação do governo caiu 8,3% de setembro, se confirmando como o pior mês desde 2009.

Vale a pena ressaltar que em 2009 já vivíamos a crise das commodities que haviam chegado a mínima em fevereiro daquele ano.

Nosso governo federal procurando reverter a crise rapidamente para garantir a eleição do ano seguinte resolveu abandonar as políticas de austeridade definitivamente e passou adotar políticas econômicas que nunca deram certo, em nenhum lugar do mundo.

Naquele momento, sem dinheiro o governo resolveu pegar usar o cheque especial para manter a economia aquecida.

É tipo como tentar curar dor de cabeça batendo ela incessantemente contra a parede ou tentar apagar uma churrasqueira usando gasolina.

Para quem já se endividou fortemente, sabe que é um buraco que fica cada vez mais difícil de sair e que exige cada vez mais disciplina financeira e corte de gastos, daquele bem agressivo, tipo que corta carne e o osso junto….

Mas nosso governo olhando seus interesses imediatos, resolveu fingir que nada ocorria…. quem não se lembra da marolinha que o Lula dizia que não afetaria o Brasil??

Pois bem, ignorar a verdade tem um custo muito alto. Um custo muito alto que estamos pagando agora com 12 milhões de desempregados e muitas pessoas voltando para a clandestinidade, para o emprego informal, isso quando conseguem.

Voltando ao presente, o déficit do setor público atingiu R$ 85 bilhões segundo o Banco Central…. ou seja estamos mais uma vez frustando negativamente as expectativas, não que a economia não esteja reagindo, e está, mas timidamente, em apenas alguns setores específicos como o agronegócio, perspectiva de queda é de pelo menos 0,7% do PIB no trimestre, um número especialmente ruim, pois os economistas previam um queda muito menor em cima da última revisão… ou seja, continuamos piorando e parece que não chegamos ao fundo do poço ainda.

No último dia 31/10 às 23h de Brasília se encerrou a Repatriação de Recursos que estavam sem registro fora do Brasil, ou como taxou o Josias de Souza, a Bolsa Empresário.

Eu não iria tão longe, os R$ 169,9 bilhões que entraram no Brasil por essa lei são fichinha perto do dinheiro que havia na CPI do CARF (em torno de R$ 500 bilhões) que foi encerrada, sem maiores impactos aos empresários no início da presidência da Câmara por Rodrigo Maia com a conivência dos meios de comunicação e de todos os políticos… mesmo muitos partidos de esquerda, uma grata exceção foi o PSOL que alertou sobre a manobra através do dep. Ivan Valente.

Mas enfim, desses 169,9 bilhões, 6 bilhões eram de empresas e os outros 163,9 bilhões de pessoas físicas, se tornaram R$ 50,9 bilhões de impostos que ajudou a equilibrar as contas e a baixar o preço do dólar… Isso é até o Trump ganhar a eleição e deixar o mundo inteiro em alerta.

O governo está feliz pela arrecadação e está sugerindo até mesmo uma segunda rodada para ajudar nas contas. Mesmo ministros como Meirelles já sinalizaram positivamente para a medida… de onde pode-se extrair…. que a situação está realmente muito ruim.

Lembrando que  durante as gestões Lula e Dilma a quantidade de funcionários públicos aumentou consideravelmente e esta é a principal despesa do governo…. Alguns cálculos apontam que até 80% dos impostos recolhidos vão para Folha de Pagamento. E justamente esse é o custo mais difícil de baixar, porque contrário de outros países nossos funcionários públicos tem estabilidade e também o salário não pode sofrer redução.  A mesma situação aconteceu em vários estados com resultados ainda piores.

Num cenário desses…. de onde o governo pode cortar?? Do pior lugar possível, do investimento em infraestrutura e dos programas de sociais, principalmente de renda mínima…. sim, leia bolsa família!

Outra forma será a PEC 241 que visa limitar os gastos… ela é indigesta, mas onde não se pode demitir… é o que sobra para fazer…

Precisamos sim retomar a economia, do contrário a situação continuará a piorar.

A situação de calamidade que está acontecendo em estados como Rio e Rio Grande do Sul é apenas uma amostra do que vai acontecer em nível nacional na medida em que chegar a horas de pagar as contas de governos anteriores.

Vale lembrar que durante muito tempo os governos sempre contaram com a inflação para corroer o valor dos salários pagos aos funcionários públicos. Chegamos a ter mais de 4000% de inflação em um único ano… a partir do momento da estabilização da economia, com a inflação civilizada, os benefícios começaram a transformar-se rapidamente em problema… o crescimento desenfreado dos gastos com funcionalismo tornou-se algo que a economia real do país não consegue sustentar.

O cenário atual é muito ruim para o governo, com a eleição do Trump todas as economias emergentes estão sob alerta e os investimentos privados, em muitos casos paralisado.

Até a posse de Trump em 20 de Janeiro, muita coisa ainda irá acontecer… talvez uma coisa boa é que Trump é totalmente retrógado economicamente, está apostando em petróleo para alavancar a economia… Nosso governo Federal fez aquela cagada em 2013 de destinar os royalties de petróleo para a educação sem ter um plano e sem ao menos pensar que o valor do petróleo poderia cair, ou seja algo totalmente eleitoreiro. Mas agora, com Trump pode se tornar um fonte realmente importante de divisas, devido ao seu olhar econômico ainda mais para trás.

Neste momento não temos uma solução, apenas uma constatação… A renda média do brasileiro está caindo ano a ano e em 2026 deverá ser 1/3 menor que a atual… e nenhum político e nenhum partido está olhando e se preparando para o futuro, estão tentando ir para frente olhando para o retrovisor…

 

Links

Preços de Commodities histórico

Sem reviravolta, CPI do Carf acabou na Câmara dos Deputados – Jota.Info 2016-07-06

Maia cancela prorrogação de CPI do Carf – Jornal do Brasil – 2016-07-15

Arrecadação do governo cai 8,3% e tem pior setembro desde 2009 – Folha – 2016-10-27

Governo Sugere Novo Programa de Repatriação de Recursos – Folha – 2016-11-01

Arrecadação com multas e impostos da repatriação totaliza R$ 50,9 bilhões – Folha – 2016-11-01

Meirelles muda discurso e diz aprovar nova rodada de repatriação – Folha – 2016-11-01

Bolsa sonegador faz bom contribuinte de otário – UOL – Blog do Josias de Souza – 2016-11-01

O déficit do setor público atingiu R$ 85 bilhões segundo o Banco Central – Folha

 Dilma sanciona sem vetos lei que destina royalties para educação e saúde – UOL – 2013-09-09